Uma modelagem de dinâmica de sistemas aplicada ao Ensino Superior com ênfase na evasão escolar - Ietec

Uma modelagem de dinâmica de sistemas aplicada ao Ensino Superior com ênfase na evasão escolar

Mestre
Andreza Cristiana da Silva

O ensino superior brasileiro apresentou na última década um crescimento significativo em relação a anos anteriores. Investimentos governamentais em políticas públicas permitiram o ingresso no ensino superior de jovens que, de outra forma, não teriam condições para tal. Porém, o aumento de ingressantes devido a esses incentivos não evitou a evasão escolar que é um problema com o qual as instituições de ensino têm convivido. É necessário que se identifiquem os porquês e formas de aumentar a taxa de permanência do aluno no curso. Vários são os fatores que interferem na evasão tais como, auxílio na escolha do curso, conciliação entre trabalho e estudos, base de ensino, entre outras. O presente trabalho utiliza a técnica de Dinâmica de Sistemas para modelar o sistema de ensino no Brasil e analisar a influência das políticas públicas na redução da evasão no ensino superior, com foco no Fies e no Sisu, que afetam diretamente a rede privada e pública de ensino. Os resultados mostraram que as políticas públicas têm efeito significativo nas taxas de evasão. Há três vezes menos evasão entre os alunos que têm um dos dois tipos de financiamento considerados. A contribuição desse estudo estende-se aos gestores das instituições de ensino superior pois reforça a importância da criação de mecanismos e ações de permanência dos alunos.

 

Palavras-chave: Ensino superior. Dinâmica de sistemas. Políticas públicas. FIES. SISU.

Baixar dissertação completa

Data: 25/02/2017

Banca avaliadora: Profa. Dra. Wanyr Romero Ferreira – Ietec

A Profa. Dra. Wanyr Romero Ferreira por toda compreensão, competência e incansável dedicação. O conhecimento que adquiri com ela nessa caminhada levarei por toda vida, como profissional e como pessoa. Ao Prof. Dr. José Helvécio Martins pela experiência que muito contribuiu para vida acadêmica. Ao Prof. Rafael Amantéa que de forma dinâmica foi o transmissor de grande conhecimento para realização desse trabalho.