Imprensa

Diário do Comércio – Aumenta a demanda por gerente de projetos no Brasil

Profissional estratégico, o gerente de projetos ganha cada vez mais destaque dentro das organizações. Esse papel é assumido por profissionais de diversas áreas como Administração, Engenharia, Arquitetura, Tecnologia da Informação, Marketing, entre outras. Independente da área de atuação, para ser um bom gestor de projetos é preciso ter, dentre várias qualidades, empatia e liderança.

A demanda por esse tipo de profissional vem crescendo em todo o mundo. No Brasil, um país em desenvolvimento e com muitos projetos em execução, essa demanda fica ainda mais perceptível. Na mesma medida em que as empresas estão valorizando mais os gestores de projetos, também estão buscando profissionais mais experientes, que possuam total domínio das melhores práticas de gerenciamento, tanto no que diz respeito a conhecimento técnico como também de gestão de pessoas, como explica Ivo Michalick, coordenador dos cursos de Gestão de Projetos do Ietec: “Os projetos têm prazos a serem cumpridos e o profissional precisa estar motivado para que o projeto tenha sucesso”.

Ivo afirma ainda que é importante saber fazer um cronograma, um bom planejamento e análise de risco, mas vai além: “O PMI® – Instituto de Gerenciamento de Projetos – maior associação do mundo para profissionais de gerenciamento de projetos, reforça mais duas dimensões de igual importância. A primeira é conhecer a estratégia da organização. Já a segunda é saber liderar, habilidade que abrange as competências comportamentais como motivar equipes e trabalhar a questão da negociação e da influência. Recomendo a todos os profissionais que dediquem tempo nessa parte de estudo comportamental humano, que apoia a ciência de gerenciar projetos”, diz Michalick.

Para aqueles que querem boas oportunidades e destaque no mercado de trabalho, a qualificação constante é o melhor caminho. O Ietec, referência na área de Gestão de Projetos com mais de 4 mil profissionais capacitados, oferece diversas opções de cursos de curta duração e online, além da pós-graduação em Gestão de Projetos. “Hoje é pré-requisito para passar num processo seletivo ter pós-graduação em gestão de projetos”, conclui Michalick.