CURSOS GRATUITOS - EAD

Práticas Devops – Online

Objetivo
Contribuir, por meio dos conceitos relacionados às práticas DevOps, para a padronização de ambientes de desenvolvimento, integração de áreas e ainda para a promoção de uma atuação sinérgica entre desenvolvedores e demandantes.
Público-alvo
Profissionais de TI envolvidos direta ou indiretamente no processo de análise e Desenvolvimento de Softwares, assim como Analistas de Negócios, Gestores de Projetos e de Infraestrutura, que atuam com Operações de Softwares.
Agenda

Local: Ministrado totalmente a distância, não há encontros presenciais.

Inscreva-se aqui
Programa do curso
  • 1 - O Que é Devops?
    • 1.1 - DevOps: como tudo começou
    • 1.2 - O que não é DevOps
    • 1.3 - Métodos ágeis e a busca por eficiência
    • 1.4 - Eliminação de desperdícios - Lean
    • 1.5 - Pessoas, Práticas, Produtos
    • 1.6 - Princípios do DevOps
    • 1.7 - Melhores Práticas DevOps
    • 1.8 - Ferramentas: mais de uma centena
    • 1.9 - Ferramentas x Cultura
  • 2 - Cultura Devops
    • 2.1 - Cultura Organizacional
    • 2.2 - O que faz uma “Cultura DevOps”?
    • 2.3 - Comunicação aberta
    • 2.4 - Alinhamento de responsabilidade
    • 2.5 - Respeito
    • 2.6 - Confiança
    • 2.7 - Mudança de valores
    • 2.8 - Objetivo principal do negócio
    • 2.9 - Impacto nos negócios
    • 2.10 - Patrocínio Executivo
    • 2.11 - Liderança técnica
    • 2.12 - Projeto Piloto
    • 2.13 - Mentoring da nova cultura
  • 3 - O que são Práticas Devops?
    • 3.1 - Práticas Avançadas DevOps
    • 3.2 - Metodologias consagradas:
    • 3.3 - Alinhamento estratégico da TI com os negócios - Henderson e Venkatraman
    • 3.4 - Métricas DevOps e valor para o negócio
    • 3.5 - Os 4 Eixos do DevOps
  • 4 - Práticas Básicas
    • 4.1 - Comunicação técnica automatizada
    • 4.2 - Qualidade contínua do código
    • 4.3 - Configuração como código
    • 4.4 - Gestão dos Builds
    • 4.5 - Gestão dos Testes
    • 4.6 - Gestão das configurações
    • 4.7 - Gestão dos releases
    • 4.8 - Automação da monitoração de aplicações
  • 5 - Práticas Avançadas
    • 5.1 - Testes de Carga
    • 5.2 - Testes de Estresse
    • 5.3 - Integração Contínua
    • 5.4 - Implantação Contínua
    • 5.5 - Entrega Contínua
    • 5.6 - Testes Canários (ou Testes A/B)
    • 5.7 - Infraestrutura como Código (IAC)
    • 5.8 - Ambientes Self-Service
    • 5.9 - Injeção de falhas
    • 5.10 - Telemetria
    • 5.11 - Planejamento da capacidade